like
like
Se cachorros soubessem mandar SMS.

pandasde-pijama:

imagem

imagem

imagem

imagem

imagem

imagem

(Source: URLcoptero, via scilamarques)

like
like
like

Ser ou esquecer, sonhar ou deixar. Das vezes mais que se precisa para achar paz. De que adianta, e então foi feito. Do que se desfaz se tanto fez. Ninguém conhece ou se conhece ao conhecê-la, nem em palavras, nem em desejos, então se descobre ao te-la. Felicidade.
Por bem maior, por mau menor, por incríveis anedotas flutuantes em um trecho sem fim. Você não sabe de nada. E queria saber, mas saber se tem o olhar que quis, querendo encontrar o infinito. E mergulhei na escuridão deles, sem motivos e só por emoções. Tenta ser mas só por esquecer do que é, e sendo assim vamos construir um mundo onde ninguém veja os buracos por detrás da janela; a brisa, da menina que acabou de me beijar, e já tinha Lana, Death nos ouvidos, enquanto a boca se distraia entre salivas misturadas.
Deste ponto até o leste, e um pouco mais ao sul, sob o branco da tua manhã ou um pouco do azul. Tem diferentes e tem iguais, tem verde também, além daquele gramado de anos atrás. Senta e respira, acalma e suspira. Os olhos que agora fecham, sonham em encontrar, mas não sabe ele, que de fato encontrou. E… Sorrindo.
Ô paixão! Quem bem te quer?
Entre as dúvidas, você conhece o que merece.
Os outros, quem se importa com os outros?
Ser ou esquecer, sonhar ou deixar.
Só deixa, vai…

Suelem Fernandes

(Source: catsbeaversandducks, via scilamarques)

like

*-*

like
like
like
like
like
©